LOS – Capítulo 54

Anterior | Próximo


Capítulo 54:

~Hatlix~

 


“Quanto mais velhos ficam…”

— Uma Memória dos Antigos

 


 

***Caríntia***

***Magnus***

 

 

Hatlix está sentando no sofá da sala de estar com seu braço em volta de Cecília. A mãe da Sely parece estar muito satisfeita. Pelo menos, ela está sorrindo e abraçando Hatlix pelos lados.

“Estou tão feliz!” Hatlix coça sua virilha, ignorando o fato de que mulheres estão presentes. Para minha surpresa, eu o entendo perfeitamente bem. Ele está arrastando as consoantes, mas isso é aceitável. Soa como se ele tivesse um sotaque estranho. “Por minhas bolas, Neto! É bom estar fora daquela caixa e vivo.”

Eu também fico feliz quando fodo a Sely. Limpo minha garganta, surpreso com o quão fluente é sua fala. “Você pode falar normalmente? Aprendeu rápido.”

“É claro que posso falar normalmente! Mas admito que o programa de aprendizado da Cecília e da Annia ajudaram bastante a acelerar as coisas. Oh, e tenho que agradecer sua maravilhosa esposa! Obrigado, Sely. Aquela ponta de flecha estava começando a coçar.” Então ele suspira e uma expressão triste aparece em sua face. “Ainda não posso acreditar que perdemos tantos da nossa família praquele cuzão estúpido! Eu deveria ter firmado meu pé e impedido a Fiacre de se casar com ele. Dei influência demais ao idiota dentro do clã e ele sempre teve fome de poder.”

Fiacre olha para o chão. “Foi culpa minha. Eu não vi os planos dele até ser tarde demais. Também não fui capaz de impedir meus filhos de seguirem o mesmo caminho. Falhei como esposa e como mãe.”

Hatlix levanta sua mão para impedir a Fiacre. “Não se culpe. Você tem um coração grande e foi cegada por amor e por seus instintos. A culpa está com todos aqueles que notaram a verdadeira natureza daquele bastardo. Não vamos mencionar nomes. Pelo menos eu deveria ter tentado abrir seus olhos, mas até eu não estava preparado para a escala da traição que atingiu nossa família.”

Eu assinto. Eu não quero ser lembrado daquele dia, então tento mudar o assunto. “Sim, mas também há o problema com os fae. Talvez possamos encontrar uma solução. Ainda há algumas coisas sobre o orbe que não entendo. Eu tenho perguntas, Hatlix. Estava me perguntando se somos capazes de usar o orbe para destruir Fada? Parece ser uma berlinde de realidade normal. Pelo menos foi essa a impressão que tive quando estive lá dentro. Os fae apenas usam passagens estranhas.”

Hatlix franze seus lábios: “Não acho que seria sábio. Quando os fae criaram sua berlinde de realidade, eles transferiram uma parte considerável do norte europeu para outra dimensão. Se desestabilizarmos a berlinde de realidade, aquela massa de terra enorme retornaria de uma vez só. Imagine o que aconteceria se nossa berlinde de realidade desmoronar. Nós passamos uma enorme parte deste vale para nossa berlinde. A mesma parte que agora forma o lago ao lado da cidade. Quando a berlinde desmoronar, toda a massa tem que ir para algum lugar.”

Mordo meu lábio inferior. Quando criamos a berlinde de realidade, removemos uma parte da terra, deixando para trás um enorme buraco no chão. Durante os séculos, aquele buraco se encheu com água e criou o lago. Se eu tivesse que apontar uma localização para a berlinde de realidade, então diria que está sob o lago, porque o ponto âncora se localiza lá. “Empurraria de lado toda a água que está formando o lago atualmente. Toda a área seria alagada.

Hatlix assente. “E agora imagine uma massa de terra entre a Noruega e Grã-Bretanha, empurrando o Oceano. A tsunami resultante não seria apenas grande, seria gigantesca!

Ele se mexe em seu assento. “Não, temo que tenhamos que encontrar um meio de eliminar os Fae enquanto mantemos Fada Intacta. Poderemos encolhê-la lentamente quando tivermos controle dela. Eu elaborei o orbe para usar seu poder a fim de mudar o padrão climático. O plano era matar os fae congelados sem ter que lutar com eles. Eles evitaram esse destino usando magia tribal para criar Fada. Pestinhas. Depois, não tínhamos os meios de atacá-los sem arriscar um dano enorme ao planeta. Ninguém sabe o que pode acontecer se a terra tomada retornar.”

“Magia tribal?” pergunta Sely.

“Você tem ciência que os fae não estão usando magia do mesmo jeito que nós usamos. Diferente dos elementais, a magia deles é baseada em crença. Eles são capazes de influenciar a realidade usando ilusões. É algo fraco e forte ao mesmo tempo. Se convença que a bola de fogo que jogaram em você não está lá e puf, não está.”

Ele levanta uma mão. “Não, não dá. Eu sei o que você vai perguntar. Vai perguntar se podemos simplesmente cancelar toda a magia deles não acreditando nelas. Essa é a parte problemática e a razão de eles poderem copiar nossa magia. Se houverem observadores o bastante para a magia deles, ela se torna real. Cada pessoa que acredite no que vê torna o feitiço mais real. É por isso que chamamos de magia tribal. A magia é afetada pela quantidade de pessoas que possa invocar ou testemunhar o feitiço.”

Assinto lentamente. “Uma última pergunta. Na sala do trono do Inverno havia uma enorme imagem da batalha entre os fae e outros sobrenaturais. Notei que aqueles que assumi serem os Antigos não eram mostrados como combatentes. Eles ficavam nos fundos e observavam a batalha.”

Hatlix inclina sua cabeça e pressiona seus lábios. “A imagem provavelmente mostrava os dias iniciais da guerra.”

“Os dias iniciais?” pergunta Sely.

Hatlix dá de ombros. “Assumo que vocês saibam a história popularmente conhecida? Mas como vocês acham que os fae ficaram tão numerosos quando eram apenas um pequeno experimento de procriação no começo? Os que conduziram os experimentos permitiram que suas criações vagassem livres na terra após os experimentos serem considerados uma falha.

“Os fae tiveram vários séculos para crescer. As outras raças sobrenaturais começaram a lutar com eles quando conectaram as abduções aos fae. Os fae pensaram que nossa neutralidade significaria que não nos importaríamos com o que eles fizessem aos outros sobrenaturais. Nós só nos juntamos à batalha quando se tornou claro que os fae eram uma ameaça que não podia ser deixada livre. Os fae já tinham eliminado a maioria dos Neandertais nesse ponto, então decidimos que eles estavam ameaçando o ecossistema do mundo.

“Agora esse é um pedaço perturbador de notícias” murmura Sely.

Hatlix bate suas mãos. “Mas isso não é importante! Temos que encontrar um meio de eliminar os fae. Escutei que os humanos avançaram bastante enquanto eu estava encaixotado. Talvez possamos usar algumas das ideias deles para resolver o nosso problema fae. Precisamos de algo como esse maravilhoso spray inseticida.

Spray inseticida?” pergunto.

Ele assente: “Sim! Melhor invenção de todas! Nada de mosquitos. Nada de pulgas. E em breve… nada de fae!

Okay… talvez seu cérebro tenha sofrido só um pouquinho.

Tina levanta sua mão: “Antes que você desapareça dentro do laboratório, precisamos de você na assembleia. Ouvi que você conhece muitos dos anciões pessoalmente. Sua voz seria de grande ajuda em influenciar a decisão.

Meu avô cerra seus olhos para a Tina. “O vídeo não é o bastante? Aqueles velhotes ficaram tão complacentes que ainda preferem neutralidade?”

Tina sacode sua cabeça. “Acredito que o vídeo seja o bastante para balançar a opinião deles. Eles já exigiram de todos que buscassem um meio de atacar Fada. O que me preocupa é que eles não agirão a menos que haja uma solução elegante. Nós temos que atacar os fae de todo modo que possamos. Agora. Nós temos que usar os humanos, os sobrenaturais, tudo. Você acabou de nos dizer quão grande Fada é. Agora imagine quantos fae devem haver quando se pensa na fazenda.”

Cecília corre sua mão pelo cabelo, certificando-se de estar liso. “Deve haver incontáveis fae. Talvez tantos quanto há humanos.” Ela se vira para o Hatlix. “Tenho certeza que uma visitinha para agitar as chamas da guerra não custarão muito tempo.”

“Uma última pergunta” interrompo. “Hatlix, você sabe de alguma Bathomeus que tenha sido levada pelos fae? Nós poderíam…”

Hatlix sacode sua cabeça. “Perdão. Não houve nenhuma Bathomeus que tenha sido levada. Mas sei de outros que foram pegas pelos séculos. Foi por isso que ver sua gravação me afetou. Eu espero seriamente que elas estejam mortas. Ser pego dentro de uma árvore não pode ser uma experiência agradável.

 


Ei, se estiverem gostando do projeto e desejarem ajudar um pouco, vocês podem fazer isso acessando o link abaixo, solucionando o Captcha e aguardando dez segundos para ir à nossa página de agradecimentos.

Podem acessar por aqui.


Tradução: Batata Yacon   | Revisor: Delongas


Anterior | Próximo


 

2 ideias sobre “LOS – Capítulo 54

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s