LoMa – Volume 1 – Capítulo 5

AnteriorPróximo


Ávido 

 

Por volta da época em que eu estava prestes a chegar à metade dos meus trinta.

O cavaleiro móvel que eu havia enviado para reparos finalmente tinha retornado.

Era uma arma humanoide com uma armadura cavaleira, e em seu braços tinha sua característica mais definidora de um enorme escudo montado sobre cada um de seus ombros.

Eu havia pensado que não faria sentido nenhum desenvolver uma arma na forma de uma pessoa, mas da perspectiva das pessoas deste universo, armas humanoides eram mais fáceis de serem controladas.

Universos de fantasia são incríveis.

Ávido atualmente estava estacionado no jardim da mansão, e parecia bastante ameaçador.

— Olha só, você não é incrível?

De pé ao meu lado estava a satisfeita técnica da Sétima Fábrica de Armamentos do Império Algrand.

Eu podia dizer que ela era uma soldada pela insígnia presa em seu uniforme.

A tenente de tecnologia usava óculos, e tinha cabelos pretos em bob que chegavam aos seus ombros.

Ela dava ares de uma mulher inteligente que se orgulhava de seu trabalho.

Eu ainda não havia escutado seu nome.

— Fico feliz que tenha gostado. Embora, eu não pensei que seríamos capazes de reparar uma nave dessas.

— Você conhece essa nave?

— É porque foi fabricada por nós. O mesmo modelo pode ser encontrado nos livros de referência da nossa biblioteca.

Uma enorme nave que não havia sido usada em tempos recentes.

Embora não pareça haver problema nenhum com a manutenção já que modelos grandes são mantidos do mesmo jeito que os pequenos.

A tenente de tecnologia parecia um pouco preocupada.

— Você tem certeza que está de acordo com isso? Com a assistência automática removida, será muito mais difícil de se manobrar.

É como a diferença de usar um carro manual e um automático?

O Mestre, que estava comigo, riu enquanto cruzava seus braços.

— O Liam pode facilmente superar um obstáculo desse nível de dificuldade, então não se preocupe. Agora, posso ter o prazer do seu nome? Eu gostaria de ter uma breve discussão sobre essa nave, então por que não conversamos dentro sala de visi…

— Não deve haver problema nenhum já que preparei um manual, e será o Conde quem pilotará, então é melhor explicar para ele diretamente.

O Mestre parecia ter uma queda pela tenente.

Mas ela recusou seu pedido com um sorriso.

Olhei para o mestre que havia deixado seus ombros caírem.

Como um Senhor Maligno, deveria a permitir como parceira do Mestre?

Bem, hmm… a outra parte é uma soldada imperial.

Ela é do tipo de gente que normalmente as pessoas hesitariam em se envolver.

— Agora, gostaria de entrar na cabine de pilotagem¹, vossa graça?

— Oh, uhh… tá…

Enquanto era guiado pela tenente de tecnologia, me dirigi até a cabine de pilotagem.

◇ ◇ ◇

Não se podia dizer que a cabine de pilotagem era apertada.

— É surpreendentemente bem larga. Não, isso não é espaço demais?

— A cabine de pilotagem foi expandida usando magia de manipulação espacial. Nós também preparamos os assentos de mais alta qualidade para garantir que fique confortável. Com exceção do fato de não haver assistência automática nenhuma, isso definitivamente é um modelo de máximo calibre.

Quando me sentei, pude sentir o quão macio era o assento.

Era como se eu possuísse um senso de suporte em volta do meu corpo, esse tipo de sensação.

O manche se ajustou automaticamente à posição da minha mão.

— Estou gostando até agora, preto é minha cor favorita.

— Muitos de nossos clientes homens gostam de preto, então há muitas naves negras.

Muitos nobres tinham cavaleiros.

A razão sendo que cavaleiros eram um tipo de símbolo de status.

Havia também o fato de que armas humanoides simplesmente são populares entre a nobreza.

Desde que tenha uma boa aparência, os nobres comprarão para elevar o prestígio de suas casas.

Havia até nobres que se vestiam como cavaleiros.

— No entanto, não há tantas pessoas que estejam dispostas a gastar tanto assim na manutenção da nave.

— É mesmo? Achei que todo mundo fosse tão longe.

O Mestre tinha me dito isso.

E com base isso, concordei em esbanjar dinheiro.

— Geralmente quantias assim são usadas para melhorar múltiplos modelos produzidos em massa. Você nos deu um amplo orçamento, então os engenheiros puderam ir com tudo. Agora, tente iniciar o motor.

Quando iniciei o motor com uma chave, algo começou a examinar meu corpo.

A nave era capaz de reconhecer o piloto, então ninguém não autorizado podia simplesmente usá-lo.

— Vossa Graça, a impressão está completa. Você agora é o único operador e piloto capaz de mover esse bebê. É uma nave personalizada feita só para você.

— Ouvir que era uma máquina pessoal me deixa feliz.

Quando peguei e movi o manche, o cenário demonstrado na minha frente mudou completamente.

A cabine de pilotagem começou a tremer levemente.

— H-huh?

Antes que eu notasse, Ávido já estava caindo.

A tenente de tecnologia tinha um rosto que dizia “como esperado”.

— Esse bebê teve todas as suas funções auxiliares, assim como o compensador automático, removidos. É um mecanismo muito difícil de se controlar, mas se você puder dominá-lo, então será capaz de movê-lo como se fosse uma parte do seu próprio corpo.

Aprender como usar algo assim provavelmente seria difícil de qualquer jeito.

Eu finalmente podia entender o que o Mestre estava tentando me dizer.

— Se eu puder me tornar proficiente na utilização disso, então poderei ser um dos melhores pilotos que existem.

— Não, se você já pode lidar com isso sendo uma criança, então já é um piloto de ponta.

A tenente de tecnologia colocou sua mão sobre a minha que segurava o manche.

Eu pude sentir e cheirar o gentil calor de uma dama.

…… Acho que mesmo sendo só um pouco, minha desconfiança de garotas está ficando melhor.

Embora ainda haja desconforto.

— Condução direta e controle de imagem são importantes para pilotar esse bebê. Sempre mantenha as operações mágicas em mente. Agora, vamos tentar mover o manche devagar.

Pouco a pouco, Ávido gradualmente começou a se levantar.

Quem poderia ter sabido que apenas se levantar poderia ser tão estressante?

Se eu cometesse sequer o mínimo erro, então a nave certamente cairia.

Enquanto a tenente de tecnologia explicava as funções do Ávido, fiz meu melhor para me focar enquanto escutava.

— Esse bebê é firme, mas também extremamente poderoso. Só mover a nave é fácil, mas você tem que se lembrar que isso não é um jogo, certifique-se de movê-la com cautela.

A tenente estava pressionada contra mim.

— E então aqui…

Eu inadvertidamente senti meu corpo ficar tenso, e não tinha lugar nenhum para onde fugir.

Ela era muito bem dotada tanto em seus seios quanto nas nádegas, tinha um bom estilo e sua cintura esbelta transparecia o quão em forma ela estava.

Eu não pude deixar de ficar consciente aos seus seios enquanto ela continuava explicando coisas.

Ao mesmo tempo, Ávido, que havia detectado meus pensamentos e magia, começou a mover suas mãos. Não, ele provavelmente se moveu em resposta às ordens que eu havia dado subconscientemente.

A tenente de tecnologia notou os movimentos e imediatamente se distanciou um pouco de mim, escondendo seu peito com os braços.

— V-você entendeu errado!

— … por que não fazemos uma pausa aqui. Oh? As comunicações parecem estar desligadas, foi algum erro na calibração?

◇ ◇ ◇

Brian fitou a imagem revivida de Ávido, o cavaleiro do bem respeitado bisavô de Liam, [Alistair], e sentiu imensa alegria.

Mesmo sua forma tendo sido alterada, ainda havia traços deixados do modelo original.

Entretanto, ele estava bastante preocupado sobre como Ávido, que era o legado de Alistair, estava realizando movimentos muito suspeitos.

— … Senhor Liam, o que exatamente você está fazendo?

Ele sabia.

Ele estava ciente.

A bela tenente de tecnologia estava sozinha com Liam na cabine de pilotagem.

Já que Liam é capaz de pôr as mãos em Amagi, talvez ele faça isso com ela também? Brian estava bastante preocupado com isso.

Entretanto, esse era o mesmo Liam que geralmente evitava mulheres de verdade.

Brian se preocupava que ele poderia apenas ficar atraído por androides.

Se ele finalmente despertasse aos charmes de mulheres de verdade, então Brian poderia finalmente parar de se preocupar com o problema de um herdeiro.

Tendo dito isso, nenhum som era emitido do cavaleiro que fazia movimentos como se estivesse apalpando algo.

Brian começou a derramar lágrimas diante do pensamento do legado de Alistair estar realizando tais movimentos obscenos.

Ávido era capaz de reproduzir os movimentos de mãos do piloto muito delicadamente.

Era como se houvesse seios de verdade lá.

Pelo menos corte a energia primeiro! Brian pensou isso, mas podia apenas olhar para a situação sem interferir.

Além disso, as comunicações pareciam terem sido desligadas.

Por um longo tempo, Yasushi tinha uma expressão bastante irritada em sua face.

— Aquele pirralho, conseguindo pegar nos peitos daquela tenente. Eles são macios!? Ei, eles são macios!?

Enquanto as mãos continuavam seus movimentos profanos, Yasushi continuava tentando se conectar à linha de comunicações já que sua paciência havia chegado aos seus limites.

— Liam, sai já daí agora. Não se enfie em situações invejáveis aí dentro, saia imediatamente, entendeu? Liam? Está me escutando, Liam!?

Ele mantinha sua calma na frente de Liam, mas quando fora de vista sua péssima atitude brilhava.

Brian também não confiava nele.

(Como que um homem desses conseguiu fazer o Senhor Liam crescer tanto assim?)

Eles não podiam se livrar dele porque o mesmo produzia resultados, e mesmo se reportassem essas coisas para o Liam, ele ignoraria devido ao completo respeito que tinha por Yasushi, seu mestre.

Ele não havia causado nenhum grande problema ainda, então Brian manteria suas opiniões para si enquanto Liam continuasse mostrando resultados.

Mas Yasushi disse para Amagi reviver o legado de Alistair, então Brian estava feliz por isso.

Sob circunstâncias normais, Amagi, que priorizava eficiência, nunca teria enviado Ávido para ser reparado.

Yasushi agora estava berrando:

— Eu falei pra descer daí! Seu pirralho de merda!

Nesse momento, Amagi começou a fitar Yasushi intensamente.

Ele imediatamente notou e se desculpou.

— Ah, me desculpe por isso. Eu apenas me agitei demais.

Enquanto pingava suor frio, ele demonstrava uma aparência bastante patética em frente à androide Amagi.

…… Esse homem realmente era um mestre de artes marciais?

Brian não pôde deixar de se perguntar isso.

◇ ◇ ◇

(Pirralho, eu definitivamente não vou te perdoar…)

Yasushi estava furioso com o fato de que seu aprendiz havia colocado as mãos em tamanha beldade intelectual.

Entretanto, ele também temia que Liam fosse descontar nele em raiva se fizesse qualquer coisa, então iria descarregar todas as suas frustrações através de rigorosas sessões de treinamento.

Um homem pequeno que guardava rancores triviais — esse era o tipo de homem que Yasushi era.

— Liam, você está tremendo.

— E-eu terei cuidado.

Liam estava de pé sobre uma tronco instável enquanto vendado, e se isso não fosse o bastante, estava sendo forçado a balançar uma espada modificada para ser várias vezes mais pesada que as normais.

Ele também havia sido forçado a caminhar em cordas bambas e realizar várias outras performances.

Tudo porque havia colocado as mãos na dama que Yasushi favorecera.

— Não balance sua espada se tem uma fundação instável. Comece de novo desde o princípio.

Liam parecia estar muito cansado e suando profusamente.

E Yasushi estava determinado a forçá-lo até seus limites, era esse tipo de treinamento.

— Bem, teremos treinamento de movimentação quando isso terminar, não há tempo para descanso.

— Entendido, Mestre!

Sua resposta era boa, mas Liam ainda havia colocado as mãos na garota que Yasushi estava interessado.

Ele nunca podia perdoar isso.

(Mesmo eu continuando a fazer pedidos tão difíceis para ele… o fato de ele ter conseguido realizar todas essas coisas que eu não consigo está destruindo meu orgulho. Apenas desista de uma vez, moleque!)

A tenente de tecnologia que ficara por cerca de um mês para explicar os procedimentos e instruções de pilotagem para a aeronave já havia partido.

Ela disse que viria de novo, então na próxima vez Yasushi queria conseguir seu nome e informações de contato.

— Suas pernas ainda estão tremendo, você não treinou o bastante.

— Ugh, eu treinarei mais na próxima vez.

— Vou garantir que treine. De agora em diante, iremos treinar ainda mais arduamente.

O treinamento lentamente se tornou mais rigoroso por causa de um ressentimento pessoal.

◇ ◇ ◇

O guia havia atravessado a porta que cruzava dimensões.

Ele estava de pé no telhado da mansão.

O guia que observava as coisas de longe tinha altas expectativas para o futuro.

— Agora, como as coisas têm ido para você, Liamzinho?

Ele parecia estar indo melhor do que o guia havia esperado.

Por isso, seria muito mais delicioso destruir tudo no futuro.

Não demoraria muito agora.

— O território está realmente cheio de vitalidade, espera aí, aquele golpista ainda está trabalhando aqui?

Mesmo se Liam descobrisse a verdade e executasse o golpista, isso realmente não importaria.

O guia apreciaria qualquer das situações.

Enquanto o guia procurava alegremente pelo Liam, o encontrou no jardim da mansão.

Havia múltiplos troncos organizados em sua volta, mas nenhum deles estava dentro do alcance da lâmina de sua espada.

— Ele está praticando? Estou ansioso para ver o quão hábil ele se tornou.

Ele não era completamente incompetente, o guia sabia que a fraude seria pelo menos capaz de ensiná-lo o básico da esgrima.

Mas algo desse nível não era apropriado para Cavaleiros.

Se Liam realmente pensasse que era forte após dominar isso, então haveria mais combustível para a diversão futura do guia.

Havia enormes diferenças de força individual entre os residentes deste universo.

O contraste entre uma pessoa que havia usado cápsulas educacionais desde tenra idade e alguém que apenas tinha usado uma ou duas vezes era enorme.

Levando aos extremos, neste lugar as pessoas eram nascidas no talento.

Nobres bem educados e cavaleiros eram naturalmente fortes neste universo.

Os próprios Cavaleiros sendo ainda mais especiais, já que eram indivíduos que podiam derrotar soldados armados com uma lâmina.

Liam empurrou a espada para fora de sua bainha levemente com seu polegar esquerdo, soltando um pequeno “snap”.

O guia ficou desnorteado.

— … mas o quê?

Quase imediatamente depois, todos os troncos em volta dele foram partidos ao meio e caíram ao chão com um baque.

Todos tinham sido clara e belamente cortados.

— … ãhn? ÃHN!?!?

O guia ficou congelado.

Nas três décadas que o deixara quieto, Liam havia se tornado extremamente forte.

A androide e o mordomo que assistiam Liam começaram a aplaudir.

— Isso foi maravilhoso, Mestre.

— Você impressionou completamente este Brian aqui.

Era uma visão inacreditável.

Tanto seu uso de magia e suas habilidades físicas estavam fora do normal, apenas um punhado de pessoas podia se tornar tão forte assim.

Surpreendentemente, Liam ainda parecia insatisfeito enquanto esfregava seu suor com a toalha que havia recebido de Amagi.

— Isso não é nada comparado à espada do mestre. Eu queria que ele me ensinasse mais, mas o Mestre me deu sua licença de esgrima de repente e partiu.

O guia estava em pânico.

(Mas que diachos aquele cara fez!? O que foi que ele ensinou pro Liam!?)

Invocando um monte de janelas com imagens, o guia trouxe a imagem de Yasushi que atualmente se afogava em álcool.

Ele estava em uma conversa séria com uma moça sentada ao seu lado no bar.

— … mas o que aquele cara é? Eu simplesmente não entendo ele.

— Está falando do seu discípulo de novo, Yasushi?

Yasushi estava reclamando.

— Eu sou menos que um espadachim de segunda classe, talvez até um de terceira ou quarta classe. Assim que cheguei lá, me resolvi a realmente fazer meu trabalho e ensinar, mas antes que eu notasse, ele já havia me superado em uma década, e por volta do vigésimo ano, já estava se aproximando do pico da esgrima.

A dama começou a rir, pensando que Yasushi estava contando uma piada.

— Então na última década ele se tornou um mestre espadachim? Yasushi, essa é uma boa piada.

A dama não acreditava nele.

Mas Yasushi negou fortemente.

— Não é uma piada! Aquele pirralho, perto do final, ele estava me perguntando se eu gostaria de ficar no território dele e abrir um dojo. Eu fiquei tão assustado que tive que fugir. Não é engraçado. Não é nenhum pouco engraçado estar perto de alguém que pode te matar sem nem mesmo desembainhar sua espada.

O truque mágico de rua que ele havia mostrado para Liam fora completamente reproduzido como uma técnica de espada.

Liam era inacreditável assim.

O guia desligou a imagem e começou a esfregar sua testa, perturbado.

…… Ele tinha uma dor de cabeça.

A causa era o Liam.

A gratidão do Liam estava lhe alcançando.

Ele podia ouvir a voz de Liam até mesmo agora…

(Eu sou tão sortudo, pude aprender a usar espada de um mestre tão maravilhoso sem nem mesmo perceber, e meu território que era tão desolado finalmente começou a se desenvolver em algo valioso. Pensei que estava sendo enganado no começo, mas o guia estava dizendo a verdade. Ele é uma pessoa tão incrível.)

…… Muito obrigado mesmo.

Esses sentimentos eram muito desagradáveis para o guia.

Apesar de ele amar emoções negativas, coisas como gratidão e favor o faziam se sentir nauseado.

E a veemente apreciação do Liam pelo guia não era nada pequena.

— Agora como é que eu devo lidar com isso?

Agora que ele estava nessa situação, o desconfortável guia decidiu que já estava na hora de finalmente lançar o Liam ao desespero.


Escrito por Mishima Yomu/Wai (三嶋 与夢)


Tradução: Batata Yacon   |   Revisão: Delongas


Ei, se estiverem gostando do projeto e desejarem ajudar um pouco, vocês podem fazer isso acessando o link abaixo, solucionando o Captcha e aguardando dez segundos para ir à nossa página de agradecimentos.

Podem acessar por aqui.


AnteriorPróximo


Notas:

1. Estava como carlinga antes… =D

6 ideias sobre “LoMa – Volume 1 – Capítulo 5

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s